quarta-feira, 6 de outubro de 2010

Emprego na indústria cresce há 13 meses

Pelo 13º mês consecutivo, o emprego na indústria continuou a crescer em agosto, segundo pesquisa divulgada ontem pela confederação nacional do setor. O aumento de contratações foi de 0,8%, comparativamente a julho. Ao contrário, de acordo com a CNI, de um mês ao outro a massa salarial e o rendimento médio dos trabalhadores caíram 3% e 4,1%, respectivamente.

    “Em um cenário de forte dinamismo do mercado de trabalho, não está havendo pressões salariais no setor”, diz o levantamento Indicadores Industriais.

    A pesquisa registra ainda que houve aumento das horas trabalhadas em agosto. A Utilização da Capacidade Instalada diminuiu.

    O faturamento da indústria foi menor em agosto do que em julho, mas cresceu 11,5% nos primeiros oito meses de 2010, em comparação com o mesmo período do ano passado.

    “Mesmo com a queda de agosto, o faturamento continua sendo a variável que mostra o maior crescimento na comparação com o período pré-crise, com 4,1% mais sobre o nível de setembro de 2008”, assinala a pesquisa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário