domingo, 20 de novembro de 2016

DELATOR ACUSA TUCANO PEDRO TAQUES DE CAIXA 2 EM 2014

Waldemir Barreto Mato Grosso 247 - O governador do Mato Grosso, Pedro Taques (PSDB), é acusado de receber R$ 2,5 milhões fora das contas oficiais, em caixa dois, para a campanha que o levou ao cargo em 2014. A afirmação faz parte da proposta de acordo de delação premiada de Pedro Nadaf, chefe da Casa Civil de Silval Barbosa (PMDB), ex-governador do Estado.
As informações são da coluna de Lauro Jardim em O Globo.
"A negociação está avançada e a colaboração deverá ser assinada com a Procuradoria-Geral da República até o fim do mês.
Nela, Nadaf conta que um operador que servia ao PMDB e a Nadaf também atuou em 2014 para o então pedetista Taques.
Pedro Taques negou que tenha tido caixa dois e disse que a acusação, vinda de um opositor, tenta prejudicá-lo politicamente."
http://www.brasil247.com/pt/247/matogrosso247/266278/Delator-acusa-tucano-Pedro-Taques-de-caixa-2-em-2014.htm

Nenhum comentário:

Postar um comentário