terça-feira, 26 de agosto de 2008

Delegado Regional de Policia Civil Dr. Herbert fala sobre a apresentação do homicida Guina.





Em entrevista à nossa reportagem na manhã de hoje, terça-feira, 26 de agosto, o Delegado Regional de Polícia Civil Dr. Herbert Ponte e Silva, nos repassou que logo após o crime no dia 22 de agosto, sexta-feira, no Parque da Cidade em Sobral, por volta das 22:00 h, a Policia Civil sob o seu comando vinha investigando. Ouvindo testemunhas, que inclusive, estavam com a vítima, Mário Lira, conhecido por Guina, Laurimar Lima e com base em tais depoimentos, enviou o Delegado, um ofício, representando pela prisão preventiva do Guina, que ate então, se encontrava em lugar incerto, e prontamente o Juiz da 1ª Vara da Comarca de Sobral, Dr. Auro Lemos Peixoto atendeu quando então, da sua apresentação, o mesmo foi qualificado e ouvido, em seguida lhe foi apresentado o mandado de prisão e o próprio Delegado, foi deixá – lo na PIRS (Penitenciara Industrial Regional de Sobral), onde se encontra a disposição da justiça.

Nas suas declarações no Cartório da Policia Civil de Sobral, o “Guina” negou haver assassinado a vítima, o Mário, mas segundo o Dr. Herbert, todas as evidências levavam a ele, a autoria do referido crime. Ele Guina, em seu depoimento, apontou uma terceira pessoa, coisa que não existe. Na ocasião, só ele e o Mário. Ate a roupa que ele usava, bateu com uma roupa que a Polícia Militar apreendeu em sua casa. Portanto, dizia o delegado que não tem por onde ele escapar da dureza da Lei.

Um outro crime já elucidado pela Polícia Civil foi o caso, do homicídio anterior, no Anel Viário da saída para Massapê, tendo como vítima o Jailson. Prisão preventiva já decretada contra um sujeito vulgarmente conhecido por “Miúdo”, que se encontra foragido. Ainda nesse caso, mais dois indivíduos envolvidos, um sujeito também de nome Jailson, por coincidência o mesmo nome da vítima e um terceiro sujeito ainda desconhecido. Os dois últimos homicídios em Sobral/CE, já elucidados.




Por: Lincoln Cavalcante.

Nenhum comentário:

Postar um comentário