sexta-feira, 19 de junho de 2015

Deputado tucano é sócio de fiscal investigado

 

:

Celino Cardoso (PSDB) é sócio de quatro empresas do ex-delegado da Receita Estadual de São Paulo, Maurício Dias, investigado em suposto esquema de corrupção; o tucano foi chefe da Casa Civil na gestão Mário Covas (1999-2000); a Promotoria investiga se essas empresas visavam dar aspecto legal a dinheiro de suborno

19 de Junho de 2015 às 06:43

247 - O deputado paulista Celino Cardoso (PSDB) é sócio do ex-delegado da Receita Estadual de São Paulo, Maurício Dias, investigado em suposto esquema de corrupção. O tucano foi chefe da Casa Civil na gestão Mário Covas (1999-2000).

Dias foi afastado do comando da Delegacia Tributária do Tatuapé (zona leste). A Promotoria investiga se empresas de ex-delegado tributário visavam dar aspecto legal a dinheiro de suborno. Esquema pode ter custado mais de R$ 2,7 bilhões aos cofres públicos.

O deputado não é alvo da apuração, mas é sócio de quatro dessas empresas que estão sob investigação.

Leia aqui reportagem de Walter Nunes sobre o assunto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário