quinta-feira, 7 de março de 2019

Subordinado aos EUA, Brasil abandona reunião da ONU sobre a Venezuela


UN Photo/Manuel Elias

247 - Representantes do governo brasileiro abandonaram, pela segunda vez em duas semanas, uma reunião da Organização das Nações Unidas (ONU) que discutia a crise política na Venezuela em protesto contra a presença de representantes do governo de Nicolás Maduro. Desde que Jair Bolsonaro assumiu a Presidência da República, Brasil se alinhou aos interesses da política externa norte-americana e vem defendendo que Maduro entregue o país nas mãos do autoproclamado presidente interino Juan Guaidó.

Segundo o blog do jornalista Jamil Chade, a nova debandada ocorreu em Genebra, na Suíça, quando os representes do governo venezuelano pediram a palavra para propor uma resolução ao Conselho de Direitos Humanos da ONU contra os impactos das sanções econômicas, encabeçadas pelos Estados Unidos, sobre a população venezuelana. Além do Brasil, outros países que integram o chamado Grupo de Lima também deixaram a reunião.

Na semana passada, o Brasil, juntamente com diversos outros países, já haviam abandonado uma reunião da ONU quando o chanceler venezuelano, Jorge Arreaza, fazia um discurso e defendia um encontro entre Maduro e o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump.

Fonte: https://www.brasil247.com/pt/247/mundo/386017/Subordinado-aos-EUA-Brasil-abandona-reuni%C3%A3o-da-ONU-sobre-a-Venezuela.htm

Nenhum comentário:

Postar um comentário