terça-feira, 22 de novembro de 2016

DCM: ‘NÃO HÁ POWERPOINT PARA UM CRIME CONFESSO COMO O DE GEDDEL?’

247 - O jornalista Kiko Nogueira, editor do Diário do Centro do Mundo (DCM), comparou nesta terça-feira, 22, o tratamento dispensado ao escândalo envolvendo o secretário de Governo, Geddel Vieira Lima, acusado de utilizar o cargo para obter vantagens pessoais na aprovação do prédio onde tem apartamento de R$ 2,6 milhões em Salvador, com a acusação do tríplex no Guarujá contra o ex-presidente Lula.
"Ao longo de mais de dois anos, Lula vem sendo massacrado por um apartamento numa praia do Guarujá repleta de línguas pretas de esgoto. Para todos os efeitos, o famoso 'triplex' já é dele, embora não haja nenhuma prova, apenas convicção", afirma Nogueira.
"Onde estão os cruzados de Deltan Dallagnol quando se trata de um crime confesso como o de Geddel? Onde está aquela indignação como a expressa na campanha eleitoral histérica das tais 10 medidas contra a corrupção? Onde estão os savonarolas da Lava Jato? Ou a dupla Geddel e Temer não rende como Lula? Fica aqui a sugestão de um powerpoint maneiro para o pessoal de Curitiba", sugere.
Leia na íntegra o artigo de Kiko Nogueira no DCM.
http://www.brasil247.com/pt/247/midiatech/266601/DCM-%E2%80%98n%C3%A3o-h%C3%A1-powerpoint-para-um-crime-confesso-como-o-de-Geddel%E2%80%99.htm

Nenhum comentário:

Postar um comentário