sábado, 6 de agosto de 2016

Robertson: Lula não está acima da lei, mas merece Justiça

: "Embora Lula não esteja de nenhuma forma acima da lei, ele deve, como qualquer cidadão, ser tratado de forma justa. Espero que a discussão sobre a petição leve as pessoas a pensarem em como lidar adequadamente com as alegações de corrupção", diz o advogado Geoffrey Robertson, que, ao lado do advogado Cristiano Martins, levou a queixa do ex-presidente Lula ao Comitê de Direitos Humanos da ONU; segundo ele, não se trata de intimidação ao Poder Judiciário brasileiro; "Quanto à alegação infantil de intimidação, qualquer juiz que se sinta intimidado por uma petição levada à ONU não está apto para ser um juiz"
247 – O advogado Geoffrey Robertson, especializado em direitos humanos, concedeu uma entrevista à jornalista Isabel Fleck, em que defendeu a iniciativa do ex-presidente Lula de recorrer ao Comitê de Direitos Humanos da ONU, denunciando a perseguição política que sofre no Brasil, que tem como objetivo torná-lo ficha-suja e, portanto, inelegível.
"A petição aponta seis formas pelas quais Lula e sua família sofreram violações. Um exemplo: a divulgação para a imprensa do áudio de conversas privadas. Isso nunca aconteceria na Europa. Depois, há a questão da prisão preventiva usada contra réus da Lava Jato, que são mantidos presos até confessarem", diz ele. "Além disso, há o papel da imprensa em ajudar os promotores, a fim de prejudicar os réus antes do julgamento, com imagens e bonecos de Lula com uniforme de prisioneiro. É fundamental que o réu tenha o direito de ser julgado por um juiz imparcial, que não esteja envolvido em ações da polícia ou do Ministério Público contra ele."
Roberston também criticou a reação de magistrados brasileiros, que viram na iniciativa uma tentativa de intimidação. "Esta é uma crítica absurda, e é triste que uma associação de magistrados reaja de maneira tão defensiva. Eles deveriam acolher a discussão sobre seus procedimentos. O que eles têm a esconder?", questiona. "Sergio Moro debate e fala ao Parlamento sobre formas de combater a corrupção, então ele deveria estar disposto a discutir sobre como tornar essas formas justas e efetivas. Ele é um grande admirador da Operação Mãos Limpas, na Itália, mas muitos advogados italianos acreditam que ela foi um desastre. Quanto à alegação infantil de intimidação, qualquer juiz que se sinta intimidado por uma petição levada à ONU não está apto para ser um juiz."
Para o advogado, Lula não está acima da lei, mas merece justiça. "Embora Lula não esteja de nenhuma forma acima da lei, ele deve, como qualquer cidadão, ser tratado de forma justa. Espero que a discussão sobre a petição leve as pessoas a pensarem em como lidar adequadamente com as alegações de corrupção."
http://www.brasil247.com/pt/247/brasil/248035/Robertson-Lula-não-está-acima-da-lei-mas-merece-Justiça.htm

Nenhum comentário:

Postar um comentário