quarta-feira, 29 de outubro de 2008

Pacientes do SUS tem atendimento cancelado em Fortaleza

A partir de hoje, o Hospital e Maternidade Argentina Castelo Branco, no Henrique Jorge, deixa de atender os pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS). A medida foi tomada pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS) após auditoria que constatou, entre outras distorções, a ausência de uma equipe de plantão 24 horas, composta por obstetra, pediatras e anestesistas, para dar assistência aos partos e nascimentos feitos pela unidade.Ontem, o titular da SMS, Odorico Monteiro, anunciou a decisão de interromper o atendimento pelo SUS por 30 dias, prazo que a direção do hospital terá para corrigir as irregularidades. Caso o hospital não regularize a situação, a SMS efetuará o descredenciamento junto ao SUS. Nos próximos 30 dias, a unidade hospitalar ficará sem receber os recursos financeiros do SUS, que dependendo do número de partos realizados no mês oscilam entre R$ 160 mil a R$ 250 mil.As falhas no funcionamento da Hospital e Maternidade Argentina Castelo Branco constam do relatório técnico da auditoria, realizada entre os meses de setembro e outubro deste ano, pela equipe multiprofissional da SMS e da Secretaria da Saúde do Estado (Sesa). (DN).

Por Wilson Gomes

Nenhum comentário:

Postar um comentário